Passou da hora de valorizar quem trabalha e quem produz.

Aprovaram o primeiro turno da reforma da previdência, aquilo que tinha tudo para durar meses, passou. O único ‘projeto’ que o atual governo tinha, tirando o decreto das armas e outras bobagens, foi aprovado. Mas e agora, o mercado vai se animar, a economia vai finalmente destravar e gerar empregos? Não. Certamente isso não irá acontecer. E não sou só eu quem diz isso. Economistas, especialistas e membros do próprio governo engrossam esse coro. Escutamos essas mesmas promessas vazias, quando a reforma trabalhista e a PEC do teto foram aprovadas. A recessão continuou e temos hoje mais de 13 milhões de desempregados. O investimento público atingiu o patamar mais baixo nos últimos 50 anos. E o Brasil tem hoje a maior desindustrialização entre 30 países, desde 1970.

Ou seja: é impossível acreditar que esta reforma irá aquecer a economia, sendo que ela tira 1 trilhão de reais dos trabalhadores e da classe média, ao longo de dez anos. Isso significa 1 trilhão a menos para o comércio e para a indústria, menos geladeiras vendidas, menos carros, menos remédios, menos feijão etc. Dessa maneira, o desenvolvimento econômico está cada dia mais distante. E não é liberando R$500 de FGTS que iremos aumentar o consumo ou tirar 64 milhões de brasileiros do SPC.

Com seis meses de governo vai ficando explícita a ausência de projeto, de políticas públicas, de ideias e governança. Sobram polêmicas e ofensas. Enquanto o presidente se dedica a discutir no twitter a questão da Venezuela, a tomada de três pinos e a Bruna Surfistinha, o povo sofre no sol, nas filas quilométricas das agências de emprego ou vendendo pano de prato, nas avenidas.

Seguiremos atentos, fazendo uma oposição propositiva, lutando no Congresso, no Senado e de todas maneiras previstas em nossa constituição, para reverter o que for possível desta reforma. O PDT não se esquiva da luta diária por um Brasil próspero, soberano e mais justo a todos.

Links:
Maia defende revisão da PEC do teto: https://glo.bo/2K26g7m
Só a reforma não será suficiente: https://glo.bo/2XXp6X2
Governo quer limitar saque de R$500 do FGTS: http://bit.ly/2JYHp4y

#gersonsartori #pdt

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *
You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>